• acebook

 

  • Facebook

 

Conforme a zona do país são chamadas de túberas, tubras, criadilhas, batatilhas ou silarcas e são fungos que crescem silenciosamente junto às raízes de alguns carvalhos. São as trufas portuguesas, que só se encontram na primavera nas regiões do Alentejo, Beira Baixa e algumas zonas do Ribatejo. São deliciosas, de aroma subtil e textura única. 
 
Ingredientes:
6 ovos
250 gr de túberas
1 molho de espargos selvagens
2 colheres de sopa de manteiga
Flor de sal e pimenta qb
Cebolinho fresco picado qb
 
Preparação:
Comece por arranjar os eapargos, retirando a película grossa e fibrosa com um descascador (o descascador de batatas é perfeito para arranjar espargos). Corte os espargos em pedaços e reserve.
Lave as túberas para lhes tirar a terra. Descasque-as e volte a lavar bem. Corte-as em fatias finas. Deite metade da manteiga numa frigideira. Quando a manteiga estiver quente, junte as fatias de túberas. Tempere com flor de sal e deixe saltear dois a três minutos. Entretanto junte os espargos e deixe saltear. Se achar que os espargos são muito rijos e não vão ficar tenros, dado que os espargos selvagens são mais fibrosos, escalde-os primeiro durante poucos minutos em água fervente.
 Por fim junte os ovos ligeiramente batidos e temperados com flor de sal e pimenta. Deixe-os cozinhar poucos minutos para ficarem cremosos. No fim polvilhe com cebolinho fresco picado e sirva em cima de fatias de pão torrado (alentejano de preferência).
 
Bom apetite! Comam bem e de forma saudável!

 

  • Facebook

 

  • Facebook

 

 
Fonte:https://deliciosapaparoca.pt/
 
#euaprendocomPiiCiEMora